Alagoas

Com 199 internados por Covid em UTI, Maceió tem 92% de ocupação, atualiza Sesau

Capital volta a passar da casa dos 90% de ocupação de leitos de UTI, enquanto interior registra 83% nesta terça-feira

Paulo Victor Malta | 06/04/21 - 16h33 - Atualizado em 06/04/21 - 17h14
Igor Nascimento / Agência Alagoas

Mesmo com sinais de desaceleração da Covid-19 em Alagoas, os números de internações em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) seguem altos no estado. O relatório de ocupação diária, atualizado às 16h desta terça-feira, 6, mostra que Maceió tem 199 pessoas internadas em UTI, o que corresponde a 92% de ocupação dos leitos da rede pública estadual na capital. 

De acordo com o relatório, mais 128 pessoas seguem internadas em leitos de UTI no interior, equivalente a 83% de ocupação. Ao todo, o estado contabiliza 327 internações em 370 leitos disponibilizados para Covid, totalizando média de 88% de ocupação hoje.

Dos 1.343 leitos disponibilizados no estado, 759 estão com pacientes em tratamento, proporcionando 57% de ocupação na rede hospitalar estadual, que também abrange leitos contratualizados.


Comparativo entre o relatório de hoje e de terça-feira da semana passada mostra que estabilidade de internações segue alta 
(Foto: Reprodução /  alagoascontraocoronavirus.al.gov.br/)

Governo flexibiliza decreto

Em coletiva na última segunda-feira, 5, o governador Renan Filho (MDB) autorizou o funcionamento de bares e restaurantes durante a semana, de 05h às 16h. O setor estava funcionando apenas nos modelos delivery e pegue e leve. A proibição de abertura aos fins de semana segue em vigor, como medida de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Também foi liberada a permissão das atividades físicas em academias de ginástica para pessoas com mais de 60 anos – desde que tenham recebido as duas doses da vacina contra a Covid-19, com pelo menos 15 dias decorridos da segunda aplicação.