Brasil

Consórcio Nordeste pagará mais barato que Ministério da Saúde pela Sputnik V

Sputnik News | 13/03/21 - 10h18
AP PHOTO / RISTO BOZOVIC

Os governadores associados ao Consórcio Nordeste fecharam acordo de compra da Sputnik V com valores mais baixos que os pagos pelo Ministério da Saúde.

Conforme publicou o portal UOL, o governado do Piauí, Wellington Dias (PT), revelou que o Consórcio Nordeste conseguiu um desconto na compra das vacinas.

Segundo o governador piauiense, o Consórcio Nordeste pagará US$ 9,95 (R$ 55,24) por dose, enquanto o Ministério da Saúde desembolsará US$ 13,00 (R$ 72,18). A diferença nos preços seria consequência do tempo de negociação, sendo que os governadores já estão em contato com os russos desde meados do ano passado.

Mais cedo, o grupo anunciou a compra de 39,6 mil vacinas Sputnik V contra a COVID-19. O anúncio antecedeu a assinatura do contrato com o Ministério da Saúde, que afirma ter comprado outras dez milhões de doses do imunizante russo.

Apesar das compras anunciadas, a Sputnik V ainda não tem aprovação na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A vacina Sputnik V contra a COVID-19 foi desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya (Centro Gamaleya) na Rússia, com o apoio do Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI, na sigla em russo). Com eficácia comprovada de 91,6%, o imunizante já foi aprovado em mais de 50 países, incluindo Argentina, Bolívia, México, Paraguai e Venezuela.