Futebol

CSA perde dois meias e não avança em negociação com Katê; clube explica saídas

Departamento de futebol confirma que Katê, Didira e Bismark não fazem mais parte do elenco marujo

18/05/16 - 15h49
Pei Fon/Portal TNH1

Como antecipado pelo PFC, o CSA não vai contar com o meia Didira e o meia-atacante Katê na Série D do Campeonato Brasileiro. Anunciados pelo clube na última terça-feira (17), os jogadores têm propostas e vão aceitá-las. Outro que está de saída é Bismark. As informações foram confirmadas pela diretoria nesta tarde (18), no CT do Mutange. 

Didira revelou que tem como opções as propostas de Paysandu e Bahia, ambos disputam a Série B do Campeonato Brasileiro. Ele revelou que está em negociações avançadas com o time do Pará e deve viajar para Belém nesta semana. Artilheiro do Alagoano, Katê vai continuar no Murici até a abertura da janela internacional de transferência, quando deve se aventurar no futebol asiático. A surpresa ficou por conta da saída de Bismark. 

Segundo a assessoria de comunicação, o departamento de futebol entendeu que já tinha opções semelhantes dentro do elenco e não vai renovar com o jogador. Fato no mínimo contraditório, porque o atleta foi anunciado na terça-feira como um dos que renovaram contrato e principalmente agora com a saída de um dos principais jogadores do elenco, o também meio-campista Didira.

Através das redes sociais, Bismark agradeceu ao clube, aos funcionários, mas deixou claro que deixa o CSA por opção da diretoria. Ele também informou que deve revelar em breve o próximo time em que vai jogar. O Azulão pretende ir ao mercado e fazer ao menos mais quatro contratações: um goleiro, um meia e dois atacantes. 

Resposta do clube

Ainda nesta tarde, o CSA utilizou o próprio site oficial para emitir nota de esclarecimento. A mensagem explica as saídas de Didira e Bismark, e a não contratação do jogador Katê. Confira a nota na íntegra. 

O CSA anunciou nesta quarta que os jogadores Bismarck, Didira e Katê não ficam no clube. No caso do meia Bismarck, a decisão foi do departamento de futebol. Com outras propostas, a diretoria não se opõe nas saídas do meia Didira e do atacante Katê. É bom que se diga que o acerto foi feito com o Clube através de seus empresários, mas pelas manifestações na imprensa desses atletas o CSA não mais deseja as suas participações.

Sorim, Damião, Romário e Pilar vão acertar duas situações com a direção e serão liberados. O lateral-esquerdo Acácio será emprestado. A busca é por 4 reforços. 1 goleiro, 1 meia e dois atacantes.