Mercado de Trabalho

Curso de salgados é ofertado a dependentes químicos em Alagoas

Agência Alagoas | 13/03/19 - 10h38 - Atualizado em 13/03/19 - 10h58
Dependentes fazem curso para concluir tratamento | Agência Alagoas

Uma turma formada por 20 dependentes químicos que terminaram o tratamento contra as drogas pela Rede Acolhe, programa da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), começaram, nessa terça-feira (12), a se capacitar em um curso de produção de salgados. Ofertado pelo Centro de Referência em Reinserção Social e Produtiva da Seprev, o curso visa oferecer alternativas para que os dependentes químicos em recuperação possam ingressar no mercado de trabalho e, assim, encerrar o ciclo de tratamento.

“No curso, cujas aulas são práticas, os ex-acolhidos aprendem a fazer todas as etapas de um salgado, desde o preparo da massa, passando pelo tempero do recheio até chegar à fritura. É muito gratificante ver o empenho deles e saber que estamos contribuindo para a renovação de vida de uma pessoa”, salientou a instrutora Marluce Correia.

Um dos alunos da turma é Eduardo Vieira (39 anos), que terminou o tratamento em uma das 36 comunidades acolhedoras credenciadas pelo Governo de Alagoas. Ele, que lutou contra a dependência em cocaína, hoje contribui na recuperação de outros dependentes e tenta se recolocar no mercado de trabalho.

“É mais uma oportunidade que temos de refazermos nossas vidas. É muito importante a questão da reinserção social, pois é por meio dela que ocupamos nossas mentes, evitamos recaídas e viramos de uma vez por todas a página da dependência”, destacou Eduardo.