Alagoas

"Eu era amarrada no pé da mesa e agredida", relata mãe de criança espancada por padrasto

Redação TNH1 com Tv Pajuçara | 30/04/21 - 17h42 - Atualizado em 30/04/21 - 17h42
Reprodução

A mãe do menino de cinco anos espancado pelo padrasto, no município de Pão de Açúcar, confirmou, em entrevista à Tv Pajuçara, que também era agredida com frequência pelo homem. Em seu relato, ela afirmou que era amarrada ao pé da mesa enquanto recebia tapas e murros.

A mulher contou, também, que Antônio Carlos do Nascimento era usuário de drogas e foi violento durante os seis meses em que mantiveram a relação.

Ela justificou que mentiu ao dizer que o menino tinha levado um coice de um cavalo por medo das ameaças do homem.

"Ele mandou eu mentir, ele disse que se eu não mentisse matava a minha filha", afirmou.

Segundo a mãe, o motivo das agressões teria sido o ciúme que o padrasto sentia da sua relação com os filhos. Assista à reportagem completa, do programa Fique Alerta.