Economia

Feira Minha Casa Própria movimenta mercado imobiliário alagoano com estandes em dois shoppings

TNH1 com Ascom Sinduscon/AL | 01/10/20 - 14h31 - Atualizado em 01/10/20 - 14h53
Alfredo Brêda, presidente do Sinduscon/AL abriu 2ª edição da Feira | Fotos: Ascom Sinduscon/AL

No último mês de julho a BRAIN Inteligência Corporativa divulgou o resultado da 3ª onda da pesquisa “Covid-19: impactos e desafios para o mercado imobiliário”,. Os dados foram os mais animadores dos últimos meses e provou que mesmo com as incertezas geradas pela pandemia de covid-19, o mercado imobiliário ficou mais aquecido.

É neste clima de otimismo que o Sindicato da Indústria da Construção do Estado de Alagoas (Sinduscon-AL) e a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Alagoas (Ademi-AL) abriram nesta quinta-feira, 1º de outubro, a segunda edição da Feira Minha Casa Própria. O evento, que vai até domingo, dia 04, chega em formato inédito acontecendo simultaneamente em dois shoppings da capital: Maceió Shopping e Pátio Shopping.

Diante do protocolo sanitário por conta da pandemia do novo coronavírus, o evento foi transmitido também no youtube do Sinduscon, para evitar aglomeração. Os estandes das construtoras também estão obedecendo protocolos de segurança.

Participaram da abertura representantes da Caixa, Sebrae e de diversas entidades do setor imobiliário.

Facilidades no financiamento

Na Feira os clientes encontrarão imóveis a partir de R$ 100 mil, com todas as facilidades de financiamento. “É um momento importante para todo o mercado imobiliário. É um evento que trará imóveis de até R$ 500 mil, tanto no novo programa Casa Verde e Amarela como SBPE. E o cliente pode escolher o shopping mais conveniente, na parte alta ou na parte baixa da cidade, para adquirir seu imóvel com toda segurança e facilidade”, destacou Alfredo Brêda, presidente do Sinduscon-AL.

Ele ressaltou, ainda, que os clientes devem aproveitar a oportunidade porque é possível que haja aumento nos preços dos imóveis nos próximos meses.

“O setor imobiliário de todo o país vem sendo afetado com o aumento absurdo nos preços dos principais insumos da construção. Ainda estamos segurando os preços. Muitas construtoras vão manter seus preços dos imóveis até esta feira. Depois disso não sabemos o que vai acontecer com os preços dos imóveis no Brasil”, completou Brêda, lembrando que a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) entregou um documento à Secretaria de Advocacia da Concorrência e Competitividade do Ministério da Economia apontando causas e consequências dos aumentos de matéria prima para o setor e suas consequências.

Assista ao teaser do evento:

Falta de estoque: clientes devem aproveitar oportunidades da Feira

A falta de estoque de imóveis em Maceió, com redução de 30% este ano, também é outro ponto apontado pelo presidente do Sinduscon-AL como positivo para os clientes aproveitarem a Feira Minha Casa Própria. Segundo ele, não houve grandes lançamentos no mercado alagoano nos últimos anos. “A Braskem já está começando as indenizações e muita gente está buscando imóvel. Por isso a oportunidade é agora. A Feira vem exatamente neste momento para atender estas pessoas que querem aproveitar as oportunidade”, completou Alfredo Brêda.

O presidente da Ademi-AL, Jubson Uchôa, também ressalta o momento positivo para o setor imobiliário. “Realmente é um dos momentos mais favoráveis para a aquisição de imóveis dos últimos anos. Por isso, é com muita satisfação que, ao lado do Sinduscon, a Ademi-AL também tem intensificado seus esforços para orientar e facilitar o acesso do público às melhores oportunidades. Este é mais um grande evento que vem a se somar ao propósito do movimento Imóvel é Mais Negócio que lançamos em julho com o objetivo de chamar a atenção do público para as vantagens deste tipo de investimento”, destacou Jubson.

A Feira Minha Casa Própria, que será aberta na próxima quinta-feira, obedecerá todos os requisitos das organizações de saúde, com estandes com ventilação e sem paredes. A organização também limitou o número de corretores trabalhando no local e colocará barreiras de proteção de acrílico para atendimento aos clientes e totem com álcool em gel em todos os espaços da Feira. O uso de máscara também será obrigatório para profissionais e clientes.

Os clientes encontrarão empreendimentos das construtoras Telesil, Construtora Rocha, Livecon, Engenharq, Fabricca, Sanco, Engemat, J3 e MRV. Patrocínio: Carajás, Creci-AL, Ibratin, LéMix, Madeiras do Brasil, Start.

Durante a Feira, no Pátio Shopping, também acontecerá a a Feira de Pequenos Negócios, realizada pelo Sinduscon-AL e co-realização do Sebrae e FIEA.