Gente Famosa

Frota ameaça José de Abreu após cusparada em casal em SP; veja vídeo

25/04/16 - 16h59 - Atualizado em 25/04/16 - 17h29
Reprodução

O ator e diretor Alexandre Frota criticou nesta segunda-feira (25) o ator José de Abreu, por cuspir em um casal que o criticava em um restaurante em São Paulo. Em um vídeo publicado nas redes sociais, Frota criticou o ato do colega e o convidou a cuspir nele também.

Filmado enquanto dirige, Frota elogia o ator pela sua inteligência, mas logo perde a cabeça e começa a ameaçá-lo.

“Eu vou mandar esse recado para o grande ator José de Abreu. Um ator que se diz tão politizado, que luta pela democracia, uma ator inteligente, empregado, que não passa nenhum tipo de necessidade como o povo brasileiro (passa)… Zé, foi muito feio, né? Você cuspiu na cara de um pai de família e de uma mãe de família. Eu pergunto para você: você acha que você agiu certo? Eu acho que foi um ato covarde seu, Zé”, diz. 

Ao longo da gravação, o ator passa a insultar o colega de profissão, chegando a acusá-lo de se favorecer de leis implantadas pelo governo federal. “Sabemos que você é petista, luta pelo governo de Dilma Rousseff, de Lula, que você é comunista e mama na teta dos governos com a Lei Rouanet, mas até aí tudo certo, esse é o jogo… agora, cuspir na cara, você foi filho da p…”, continuou Frota.

O ator manteve o tom, insultando Zé de Abreu ainda de “babaca”, “baixo”, “escroto” e “medíocre”. Ao final da gravação Frota ameaça o ator, convidando-o a cuspir na sua cara assim como fez contra o casal no restaurante.

“Tô louco pra encontrar contigo, irmão. E vou te dar a minha cara pra você cuspir, Zé. Eu duvido você cuspir. E tomara que você cuspa, Zé, eu vou rezar pra você cuspir, tá bom? Esse é o recado que eu tenho pra dar pra você. Eu achei você um merda por esse ato vagabundo”, completou.  

José de Abreu explicou à imprensa que foi abordado pelo casal enquanto jantava ao lado de sua esposa em um restaurante japonês na Vila Nova Conceição, em São Paulo. Segundo ele, os dois o insultaram de ladrão e chamaram sua esposa de vagabunda. 

Em entrevista ao apresentador Fausto Silva, no programa Domingão do Faustão, da TV Globo, o ator comentou o incidente e disse não ter se arrependido de responder a provocação do casal com uma cusparada. 

O incidente foi registrado em vídeo por um cinegrafista amador e rapidamente viralizou pela internet. Em seu perfil no Twitter o ator contou o caso. “Acabei de ser ofendido num restaurante paulista. Cuspi na cara do coxinha e da mulher dele! Não reagiu! Covarde. Advogado carioca… O covarde perdeu a linha, deve ter cagado nas calças. Cuspi na sua cara, na cara da mulher dele e ele não reagiu. Covardes fascistas. Adorei o entrevero com o coxinha”, escreveu.

“Fujão covarde levou uma cusparada na cara e a mulher levou outra. Fascistas são tratados assim: com cuspe na cara! Dele e da mulher. Agressão gratuita sem o menor motivo! ‘Vota no PT e vem comer no japonês!’ Babaca idiota! Cusparada na cara. Durante meia hora ofenderam minha esposa e ela não me disse nada. Na hora de ir embora ele se levantou e começou a discursar. Cuspi na cara! A mulher falou Rouanet e levou outra cusparada. Reagiram? Nada. Covardes devem ser tratados assim. Chamei o fascista de covarde e ele não reagiu. Talvez esperasse a cumplicidade dos frequentadores. Nem a mulher ele defendeu. Só não chamei a polícia em respeito ao dono e ao chefe de cozinha do restaurante que são meus considerados…”, encerrou o ator no microblog. 

Veja vídeo: