Nordeste

Governo do CE pede fim de voos internacionais, suspende aulas e proíbe visitas em presídios

Folhapress | 16/03/20 - 22h36
Camilo Santana, Governador do Ceará | Reprodução

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), solicitou na tarde desta segunda-feira (16) à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) suspensão de voos internacionais para o estado.

Há nove casos de coronavírus confirmados e 62 em investigação no Ceará. Decreto do governo suspendeu aulas na rede pública por 15 dias a partir desta quarta-feira (18), proibiu eventos públicos com mais de 100 pessoas e cancelou visitas no sistema prisional.

Também houve suspensão das férias de todos os servidores de saúde. O governador afirmou em coletiva que os ônibus terão que passar por rigoroso processo de higienização. Haverá espaço nos terminais para que os passageiros possam lavar as mãos.