Polícia

Homem diz que é policial armado e ameaça funcionários de unidade de saúde para ser atendido

João Arthur Sampaio | 22/06/24 - 07h16
Assessoria

Um homem precisou ser contido por testemunhas após dizer que era um policial armado e ameaçar os funcionários de uma unidade básica de saúde (UBS), para forçar ser atendido. Ele estava acompanhado da esposa no momento. O caso aconteceu na noite dessa sexta-feira (21), no bairro da Santa Amélia, parte alta de Maceió.

De acordo com informações da Polícia Militar de Alagoas, o suspeito e a companheira dele  também teriam agredido fisicamente duas vítimas, um homem de 37 anos e uma mulher de 29, após a ameaça não funcionar. Os demais pacientes da UBS precisaram conter os dois que iniciaram a confusão.

Os suspeitos receberam voz de prisão e foram levados à Central de Flagrantes, no Tabuleiro do Martins, onde foram autuados pelos crimes de ameaça e vias de fato. As vítimas e testemunhas também foram levadas à central, para realização dos procedimentos cabíveis.