Alagoas

Jornalismo alagoano perde mais dois profissionais, vítimas da Covid-19

12/04/21 - 07h55 - Atualizado em 12/04/21 - 12h02

Dois jornalistas alagoanos perderam a luta pela vida para a Covid-19 nesse fim de semana. As mortes de Bernardino Souto Maior e Falcon Barros foram confirmadas no domingo e na madrugada desta segunda-feira, respectivamente, e deixam a classe jornalística em luto.

Bernardino Souto Maior tinha 72 anos e estava intubado em um hospital de Fortaleza há aproximadamente duas semanas. Bernardinho passou por diversos veículos de comunicação do Estado, incluindo a TV Pajuçara, e era considerado um dos principais nomes do jornalismo político alagoano.

Falcon Barros era repórter cinematográfico e supervisor de imagens da TV Gazeta, empresa onde trabalhava há cerca de 40 anos. Ele colecionava diversos prêmios de jornalismo.

Falcon estava internado há semanas em um hospital particular de Maceió. O enterro está marcado para as 16h de hoje e não vai ter velório. Ele deixa filhos e esposa.