Geral

Lyra reúne lideranças do setor produtivo para encontro com ministro Maurício Quintella

04/07/16 - 14h55 - Atualizado em 04/07/16 - 15h17
Assessoria


Para discutir os projetos federais de infraestrutura e encaminhar revindicações do setor produtivo alagoano, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Alagoas  (Fiea), empresário José Carlos Lyra de Andrade. recebeu, nesta segunda-feira, 4, num café da manhã, o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, deputado federal Maurício Quintella. Para o encontro, Lyra convidou dirigentes de entidades como as federações da Agricultura e Comércio, Câmaras de Lojistas, Associação Comercial, e os Sindicatos da Construção Civil e do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea/AL).

Na oportunidade, o ministro fez uma explanação sobre as obras que estão sobre sua responsabilidade em todo o País. Ele falou das dificuldades que enfrenta diante da realidade econômica do Brasil, após o recente período de turbulência política, com alto índice de desemprego. Mesmo assim, se mostrou otimista e relacionou obras que serão retomadas e iniciadas, inclusive aquelas que beneficiarão os alagoanos.“Esse é um momento importante, pois discutimos as contribuições que o setorpode dar ao governo, que tem um programa de parceria público-privada em andamento. Estamos trabalhando para reconquistar a confiança do mercado, viabilizando investimentos”, disse o ministro Maurício Quintella.

Para ele, o encontro na Fiea serviu para alinhar essa nova política, principalmente com médios e pequenos empresários.Neste sentido, anunciou a retomada das obras de duplicação da BR-101, no trecho que passa por Murici; disse que, com licitação já concluída, o trecho entre Rio Largo e Teotônio Vilela já está em fase de classificação de empresas. São obras que, segundo Quintella, “devem ser iniciadas em outubro, após as chuvas”.

O ministro revelou ainda que, no próximo dia 8, numa solenidade em Canapi, vai assinar Ordem de Serviço para construção da estrada entre Carié (AL) e Inajá (PE), e de Ouro Branco até a divisa com a Bahia. Será feita ainda a recuperação estruturada de todos os trechos de rodovia federal entre Maceió e Carié. “Com essas obras vamos garantir a recuperação de toda malha viária federal em Alagoas”, afirmou Maurício Quintella.Na reunião com os empresários ele destacou as obras que estão em andamento no Aeroporto Zumbi dos Palmares; e anunciou um estudo técnico que vai mostrar se o Porto de Maceió tem viabilidade para receber um terminal de passageiros, de modo a se inserir na rota dos grandes navios internacionais. “Infraestrutura é o insumo básico para o desenvolvimento ”, concluiu.

Embora tenham se mostrado satisfeitos com a reunião, os líderes empresariais presentes ao encontro manifestaram preocupação com a agilidade do governo nessa retomada de investimentos. Para José Carlos Lyra, é urgente que o país retome o trilho do crescimento, único caminho, no momento, para a superação total da crise político-institucional.Entre outras lideranças, participaram da reunião Álvaro Almeida (Agricultura), Wilton Malta (Comércio), Leonardo Marques (FCDL), Kennedy Calheiros (Sebrae), Alfredo Breda (Sinduscon/AL), Fernando Dacal (Crea/AL).