Maceió

Maceió é destaque nacional por inclusão de população de rua no Minha Casa Minha Vida

29/07/18 - 09h07 - Atualizado em 29/07/18 - 11h43

O Município de Maceió foi reconhecido pelo Comitê Intersetorial de Acompanhamento e Monitoramento da Política Nacional para População em Situação de Rua (Ciamp Rua) como a cidade brasileira que mais incluiu famílias com esta condição no Programa Minha Casa Minha Vida.

O dado foi apresentado em Brasília, no início deste mês, no Encontro Nacional sobre os Direitos Socioassistenciais da População em Situação de Rua. Segundo o Comitê, Maceió alcançou destaque por manter uma política de habitação que tem como prioridade garantir moradia digna e permanente para quem vive na rua, em condição de vulnerabilidade.

“Temos, desde 2013, quando entramos no Programa Minha Casa Minha Vida, trabalhado para diminuir mais do que o déficit habitacional da cidade, nós estamos melhorando a vida de pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade. Entendemos que ter uma moradia traz, além de conforto, dignidade. Seguimos com essa missão”, disse Palmeira.

No biênio 2015-2017, moradores de rua foram direcionados para residenciais como o Caetés, Rio Novo, Morada do Planalto, Maceió I e Jorge Quintella, todos construídos e entregues na atual gestão.

Palmeira destacou que a Prefeitura de Maceió, permanentemente, monitora os moradores de rua, por meio de ações das secretarias municipais de Saúde (SMS), com o Consultório na Rua e o Centro de Atenção Psicossocial para Álcool e Drogas (Caps AD), e de Assistência Social, por meio Albergue e do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop).