Polícia

Mais uma vítima de PM suspeito de estupros presta depoimento à polícia

Redação TNH1 | 01/11/19 - 18h11 - Atualizado em 01/11/19 - 18h31

A Polícia Civil de Marechal Deodoro ouviu, na tarde desta sexta-feira, o depoimento de mais uma vítima do soldado da Polícia Militar Josevildo Valentim dos Santos Júnior, que já confessou um homicídio, um estupro, uma tentativa de estupro e é suspeito em outros casos de violência sexual em Maceió e Marechal Deodoro.

A jovem fez o reconhecimento do militar e contou ao delegado Leonam Pinheiro que foi abordada por ele quando saía de uma academia e se dirigia para casa, em Marechal Deodoro. "Ele epontou a arma para mim e disse para eu entrar no carro, se não atirava em mim", contou a vítima à TV Pajuçara. Ela foi responsável pelas infromações que  levaram ao retrato falado do militar. "Eu fiquei acompanhando o caso e quando botaram a foto dele, eu não tive dúvidas", contou a jovem, que teve que fazer tratamento psicológico e tomar remédios até 2017 para curar o trauma.

Segundo o delegado Leonam Pinheiro, agora já são cinco vítimas confirmadas do soldado Valentim. "Nós temos mais seis boletins de ocorrência em análise, ou seja, seis outras vítmas e mais seis inquéritos, onde nós esperamos que, com as vítimas e com as provas que forem acrescentadas aos autos, nós venhamos a conseguir a condenação desse indivíduo", disse o delegado, que na tarde desta sexta-feira também tomou o depoimento do acusado. 

Josevildo Valentim dos Santos Júnior voltou a confessar um caso ocorrido em 2015 e contou com riquezas de detalhes o crime, segundo o chefe de cartório da delegacia, Marcosa Albuquerque.

"Chamou a atenção como o depoimento dele é exatamente igual ao da vítima. Sobre os outros casos, ele permaneceu em silêncio e não respondeu as perguntas", disse Vasconcelos, em entrevista por telefone ao TNH1.

Segundo o depoimento, o caso aconteceu em junho de 2015, no Francês. A vítima havia acabado de descer de um táxi e se preparava para entrar em casa. Valentim avistou a jovem, fez a volta no carro que dirigia e abordou a mulher com uma arma. A vítima foi colocada dentro do carro e levada para uma estrada vicinal, onde o estupro foi consumado.

Entenda o caso

O soldado da Polícia Militar Josevildo Valentim dos Santos Júnior é acusado de cometer 12 estupros em Marechal Deodoro. A delegacia de Marechal possui 11 boletins de ocorrência contra o soldado, mas uma 12ª vítima o reconheceu na tarde desta terça-feira (29), segundo informações da TV Pajuçara

Josevildo Valentim dos Santos Júnior, preso no dia 18, por violentar sexualmente e matar a jovem Aparecida Rodrigues Pereira, de 18 anos, dias antes, em Maceió. 

De acordo com o delegado Leonam Pinheiro, responsável pelo inquérito em Marechal, além das duas vítimas que já procuraram a delegacia após reconhecer a imagem do policial, outras nove mulheres serão procuradas para prestar depoimento. Se for identificado que o autor é Josevildo Valentim, ele será confrontado com os relatos.