Interior

Ministério Público investiga contratação de funcionários fantasmas na Prefeitura de União dos Palmares

Redação TNH1 | 28/06/19 - 10h12 - Atualizado em 01/07/19 - 21h35
Oziel Nascimento/BR-104

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL) instaurou Inquérito Civil para apurar suposto ato de  improbidade administrativa na Prefeitura de União dos Palmares, na Zona da Mata de Alagoas. O MPE suspeita da inclusão de funcionários "fantasmas" na folha de pagamento. 

De acordo com a portaria publicada no Diário Oficial do Estado dessa quinta-feira, 27, o MPE detectou "indícios de pagamentos indevidos de serviços e mercadorias adquiridas pela Prefeitura, por intermédio da inclusão de supostos servidores públicos na folha de pagamentos do município sem que efetivamente prestassem os serviços", diz o texto. Com isso, se confirmada a irregularidade, a prefeitura teria incorrido no crime de improbidade administrativa.

A portaria  002/2019 ainda dá prazo de 10 dias para a prefeitura entregar documentos com especificação dos serviços prestados.

O OUTRO LADO

O TNH1 ouviu a prefeitura de União sobre a denúncia do MPE. Por meio da assessoria de comunicação do município, um processo administrativo instaurado pela própria prefeitura está em tramitação. Segundo a Procuradoria do Município, o processo estaria em fase de conclusão, e quando for encerrado será dada a divulgação.