Brasil

Mulher domesticava jaguatirica achando que fosse um gato

Uol | 29/01/21 - 15h51 - Atualizado em 29/01/21 - 16h02
Reprodução/PM Pará

Uma mulher do município de Baião, no Estado do Pará, acionou a polícia militar, na terça-feira (26), quando achou que perdeu seu gato de estimação que havia sido adotado há sete meses, mas o animal era, na verdade, uma jaguatirica.

O "gato do mato", como é popularmente conhecida a jaguatirica, é um animal selvagem da família Felidae e gênero Leopardus padalis, informou a Polícia Militar do Estado do Pará por meio de nota.A descoberta foi feita depois que o animal começou a crescer e mulher percebeu que não se trata de um simples felino. A partir da denúncia, a Polícia Ambiental capturou a jaguatirica.

"A Polícia Ambiental realizou o resgate do animal e constatou que não apresentava nenhuma lesão aparente superficial e encontra-se em boas condições físicas", informou a PM.

Ela foi levada ao Batalhão da Polícia Ambiental, onde ficará até ser encaminhada a órgão responsável pela fauna silvestre ou instituições habilitadas.