Mercado de Trabalho

TJ de Alagoas vai ofertar 100 vagas para a Guarda Judiciária

Ascom TJ-AL | 03/07/19 - 18h45 - Atualizado em 04/07/19 - 11h47
Ascom TJ-AL

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL) inicia, na segunda-feira (8), a pré-inscrição para a Guarda Judiciária, que atuará na segurança de magistrados e servidores nos fóruns do interior do estado. Poderão participar do processo seletivo policiais e bombeiros militares da reserva remunerada. Serão oferecidas, inicialmente, 100 vagas.

De acordo com o chefe da Assessoria Militar do TJAL, coronel Elias Oliveira, os profissionais farão um policiamento ostensivo e cuidarão da segurança interna e externa das unidades judiciárias. “Nesse primeiro momento o foco é no interior do estado, podendo se estender para as unidades da capital”, afirmou.

Na pré-inscrição, que será feita no site do TJAL, os candidatos deverão anexar os seguintes documentos: certidões negativas de antecedentes criminais da Justiça Comum e Militar (estadual e federal) e da Justiça Eleitoral; comprovante de residência e o ato da reserva remunerada.

Os candidatos devem residir no município para o qual pretendem se inscrever. O contrato de trabalho será temporário e terá validade de dois anos. Os aprovados trabalharão de segunda a sexta (8h/dia) e receberão a remuneração de R$ 1.500,00.

“Depois das inscrições, vamos validar a documentação e encaminhar os candidatos para inspeção de saúde, psicológica e de aptidão física. A lista dos aptos será, depois, enviada ao presidente do Tribunal, que fará as respectivas designações”, destacou o coronel.