Gente Famosa

Cláudia Raia diz que Jô Soares a salvou do câncer

10/04/18 - 15h42
Reprodução

Cláudia Raia, 51, estreou na televisão brasileira aos 17 anos, quando conheceu o apresentador Jô Soares. Em entrevista à Fernanda Souza no programa Vai, Fernandinha(Multishow) nesta segunda (9), a atriz comentou que é muito grata ao humorista não só pela parceria profissional. 

"Ele salvou minha vida porque ele tirou uma pinta da minha perna que era um câncer. Era um melanoma cancerígeno, uma coisa que eu jamais descobriria se não fosse ele" disse ela, relembrando o episódio em que, durante uma conversa, Jô a alertou.

"Eu sentei para fazer um quadro com ele e eu tava com uma roupa curta quando eu cruzei a perna ele falou "Que pinta é essa"?", afirmou. Raia diz que, na época, amava a manchinha e achava charmosa e que, se não fosse por Jô, jamais teria pensado na hipótese de ser malígna. 

No mesmo dia o humorista a levou até seu dermatologista -por coincidência, Jô Soares havia retirado um melanoma há pouco tempo. Cláudia conta que fez um procedimento de retirada na hora e, com a biópsia, precisou retornar ao médico para retirar todo o tecido afetado, para que não restassem células cancerígenas. "Eu ia perder a perna e eu ia acabar indo embora se não fosse esse cara."

A atriz, que manteve um relacionamento com o apresentador por dois anos e meio, disse que o ama e o agradece até hoje. No programa, eles se encontram de surpresa e o momento leva a apresentadora aos prantos. 

Cláudia acrescentou que, antes de ser seu companheiro, Jô foi importante por compartilhar sua experiência profissional com ela. "Ele é  meu referencial. É o cara que me abraçou na TV", disse, lembrando do esquete que apresentava no programa Viva o Gordo em 1983. 

Foi ele também quem sugeriu que Raia tirasse "Maria" do nome, até então ela atendia por Maria Cláudia Raia.