Interior

Criança que morreu em escola de São José da Laje tinha doença cardíaca, afirma IML

Perícia Oficial | 01/12/21 - 15h54 - Atualizado em 01/12/21 - 16h05

O estudante do município de São José da Laje, identificado pelas iniciais B. J. S, foi vítima de morte clínica em decorrência de uma patologia cardíaca. O resultado da necropsia foi divulgado na tarde de hoje (01) pelo Instituto de Medicina Legal Estácio de Lima (IML de Maceió) após a conclusão do exame cadavérico.

De acordo com o perito médico legista, Fernando Marcelo de Paula, o exame cadavérico confirmou que o menino de 10 anos morreu devido a uma pericardite constritiva. Essa patologia ocorre quando há espessamento do pericárdio, com restrição do enchimento diastólico do coração, evoluindo para a diminuição do débito cardíaco.

A queda foi em consequência da crise provocada pela pericardite constritiva, mas a causa da morte foi patológica devido a doença preexistente,” explicou o Fernando Marcelo.

O médico legista ainda explicou que geralmente, a causa dessa patologia é desconhecida. Mesmo com a causa da morte definida, a equipe colheu material biológico para a realização de exames toxicológicos.