Futebol

Em busca de sua melhor campanha, CRB arranca empate com o Náutico na Arena Pernambuco; veja os gols

14/11/15 - 16h30

CRB comemora primeiro gol contra o Náutico na Arena PernambucoCRB comemora primeiro gol contra o Náutico na Arena Pernambuco

CRB comemora primeiro gol contra o Náutico na Arena Pernambuco

Atualizado às 18h27

O CRB poderia garantir de no mínimo a 11ª colocação ao término da Série B de forma antecipada se vencesse, mas na busca de sua melhor campanha na história no atual formato da competição, o CRB ficou no empate com o Náutico por 1 x 1 na Arena Pernambuco, na tarde deste sábado (14), pela 36ª rodada.

O lateral Pery abriu o placar para o Galo, mas Ronaldo Alves empatou para o Timbu. A transmissão da partida ficou por conta da Rádio Pajuçara FM 103,7 Maceió e do TNH1.

O jogo

No começo do primeiro tempo o time praiano começou forte e o jogo era bem disputado. Curiosamente, o único atacante de ofício do Galo era Maxwell, mas o atleta estava atuando pelos lados e o meia Cañete ficava mais centralizado como um atacante. Precisando vencer para seguir bem na briga pelo acesso, o Náutico chegava mais no ataque, tinha um certo controle da partida, mas com exceção de um chute no início do jogo não conseguia finalizar com perigo. Neste cenário, o CRB ficava muito recuado em busca de contra-ataques, só que não conseguia encaixar nenhum de boa qualidade e via seu adversário pressionar em boa parte do tempo. Com o passar do jogo o alvirrubro alagoano tentava gastar tempo e ocupar os espaços deixados pelo alvirrubro pernambucano, só que precisava melhorar o seu poder ofensivo.

Mas aos 24 minutos o CRB surpreendeu. Após receber a bola de Olívio, o lateral Pery foi acionado, fez boa jogada individual e soltou o pé para mandar para o fundo da rede, abrindo o placar para o Galo no primeiro chute do Regatas. Depois de sofrer o gol, o Náutico continuou em cima, mas quando chutava a gol Juliano garantia a vitória parcial regatiana. Mas aos 37’ o Timbu conseguiu o empate. Após cruzamento para a área em escanteio, o zagueiro Ronaldo Alves subiu mais que todo mundo, mandou de cabeça e deixou tudo igual no marcador. Na reta final, o CRB ainda ensaiou uma pressão, mas não conseguiu voltar a marcar. Assim, a primeira etapa foi embora com o empate.

Veja o gol de Pery (Imagens: Premiere FC) 

Confira o gol de empate do Náutico (Imagens: Premiere FC) 

Segundo tempo

Na volta do intervalo o time alagoano queria aprontar. Logo com 1 minuto, o volante Leandro Brasília experimentou o chute de longe e por pouco não surpreende Júlio César, que salvou o Náutico com boa defesa. O jogo era bem movimentado, mas novamente a equipe da casa criava as melhores oportunidades, só que a defensiva alagoana ia se garantindo. Ofensivamente o CRB pouco criava, quase não atacava e não conseguia assustar o adversário. Assim, o técnico Mazola Júnior decidiu fazer algumas modificações: entraram Clebinho e Wellington Saci nos lugares de Leandro Brasília e Cañete.

Mesmo com essas alterações o time praiano continuou chegando pouco na frente e no geral ficava mais recuado buscando espaços para contra-atacar. Por outro lado, o Náutico tinha mais posse de bola e pressionava com frequência. Já a partir da segunda metade da etapa final o CRB começou a neutralizar o Timbu, que tinha pressa porque precisava ganhar, e em compensação deixava brechas na defesa com frequência. Nos momentos finais o confronto ficou morno, pois as marcações prevaleciam por parte dos dois times, só que o jogo era equilibrado no geral. Aos 41’ por pouco o Regatas não desempatou. Em belo chute de Clebinho, o goleiro Júlio César foi no ângulo e fez uma grande defesa. Apesar de ter tido outras chances, o Galo não concluiu em gol, mas conseguiu sair de Recife com o empate na bagagem.

Foto: Junior de Melo/Assessoria CRB

Como fica

Com o placar de 1 x 1, o CRB se mantém na 11ª colocação agora com 51 pontos, mas ainda não obtém em definitivo no mínimo o 11º lugar de forma antecipada, pois o time praiano precisava vencer, após contar com o tropeço do Criciúma na rodada. Assim, o Galo ainda não está garantido na Copa do Brasil Sub-20 no ano que vem, mas está bem próximo disso. Outro objetivo que o CRB tinha na partida era igualar a sua melhor pontuação já conquistada na Série B, quando em 2007 alcançou os 53 pontos, mas ainda tem mais dois jogos para tentar passar dessa marca.

Com este empate o time praiano também não consegue quebrar o tabu de nunca ter vencido o Náutico em Pernambuco, contando apenas jogos oficiais. Nos confrontos gerais, teriam acontecido agora 28 jogos entre o Galo e o Timbu, com quatro vitórias do alvirrubro alagoano, seis empates e 18 vitórias do alvirrubro pernambucano. Depois desse jogo, o Regatas vai a campo contra o Sampaio Corrêa, quando no sábado (21), às 16h, o Galo seu último jogo em casa na temporada.

Alguns números (Fonte: Footstats)

Posse de bola: Náutico 55,4% x 44,6% CRB

Finalizações: Náutico 17 (3 no gol) x 12 (3 no gol) CRB

Passes certos: Náutico 368 (errados: 37/ aproveitamento: 90%) x 201 (errados: 21/ aproveitamento: 90%) CRB

Cruzamentos: Náutico 26 (certos: 5/ aproveitamento: 19%) x 16 (certos: 1/ aproveitamento: 6%) CRB

Desarmes: Náutico 23 x 11 CRB

Faltas cometidas: Náutico 16 x 23 CRB

Impedimentos: Náutico 2 x 2 CRB

Escanteios: Náutico 10 x 6 CRB

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro Série B 2015 – 36ª rodada

Jogo: Náutico 1 x 1 CRB

Gols: Náutico- Ronaldo Alves aos 37’ do 1T/ CRB- Pery aos 24’ do 1T

Local: Arena Pernambuco, grande Recife-PE

Data: 14/11 (sábado) 

Hora: 16h30

Árbitro: Francisco de Paula dos Santos Silva Neto (CBF-RS)

Auxiliar 1: Cleriston Clay Barreto Rios (FIFA-SE)

Auxiliar 2: Rafael da Silva Alves (ASP.FIFA-RS)

Náutico:

1- Júlio César

2- Rafael Pereira (16-Fellipe Soutto, aos 39" do 2T)

3- Ronaldo Alves

4- Fabiano Eller

6- Gaston Filgueira

15- Willian Magrão

8- Jackson Caucaia

7- Hiltinho (21-Douglas, aos 14’ do 2T)

10- Dackson (23-Bruno Alves, aos 23’ do 2T)

11- Bergson

9- Daniel Morais

Técnico: Gilmar Dal Pozzo

Banco Náutico: 12-Rodolpho, 13-Lucas Farias, 14-Elivelton, 16-Fellipe Soutto, 17-Niel, 18-Gil Mineiro, 19-Marino, 20-Renato, 21-Douglas, 22-Caio Matias, 23-Bruno Alves.

CRB:

1- Juliano

2- Bocão

3- Diego Jussani

4- Audálio

6- Pery

5- Olívio

8- Josa

11- Glaydson

7- Leandro Brasília (15-Clebinho, aos 13’ do 2T)

10- Cañete (14-Welington Saci, aos 19’ do 2T)

9- Maxwell (17-Jonata, aos 31’ do 2T)

Técnico: Mazola Júnior

Banco CRB: 12-Bruno, 13-Gleidson Souza, 14-Welington Saci, 15-Clebinho, 16-Daniel Cruz, 17-Jonata, 18-Bruno Nascimento, 19-Rodrigo.

Outros jogos da 36ª rodada: ABC 3 x 1 Mogi Mirim, Paysandu 3 x 2 Luverdense, Oeste 1 x 1 Criciúma, Botafogo 0 x 3 Santa Cruz, Boa Esporte 3 x 0 Bahia, Bragantino 3 x 0 Sampaio Corrêa, Vitória 1 x 0 Ceará/ 20h- Atlético-GO x Macaé, Paraná x América-MG.

Classificação (fornecida por srgoool.com.br)

C Participantes PG J V E D GP GC SG %A
 Botafogo-RJ 68 36 20 8 8 58 29 29 63
 América-MG 63 35 19 6 10 54 37 17 60
 Vitória-BA 63 36 18 9 9 54 37 17 58,3
 Santa Cruz-PE 61 36 18 7 11 57 42 15 56,5
 Bragantino-SP 57 36 18 3 15 53 54 -1 52,8
 Náutico-PE 57 36 16 9 11 46 42 4 52,8
 S. Corrêa-MA 57 36 15 12 9 49 39 10 52,8
 Paysandu-PA 56 36 16 8 12 48 40 8 51,9
 Bahia-BA 55 36 14 13 9 47 40 7 50,9
10º
 Luverdense-MT 51 36 14 9 13 44 37 7 47,2
11º
 CRB-AL 51 36 14 9 13 44 42 2 47,2
12º
 Criciúma-SC 46 36 11 13 12 34 39 -5 42,6
13º
 Paraná-PR 43 35 11 10 14 37 40 -3 41
14º
 Oeste-SP 43 36 10 13 13 36 42 -6 39,8
15º
 Atlético-GO 43 35 10 13 12 30 40 -10 41
16º
 Ceará-CE 41 36 11 8 17 40 49 -9 38
17º
 Macaé-RJ 39 35 9 12 14 41 49 -8 37,1
18º
 ABC-RN 32 36 6 14 16 40 60 -20 29,6
19º
 Boa Esporte-MG 27 36 6 9 21 31 53 -22 25
20º
 Mogi Mirim-SP 23 36 4 11 21 32 64 -32 21,3