Alagoas

Fim de semana tem fechamento de comércio, shoppings e praias em todo o Estado

TNH1 | 20/03/21 - 07h56 - Atualizado em 20/03/21 - 08h13
Itawi Albuquerque/TNH1

O primeiro final de semana da fase vermelha do Plano de Distanciamento Social Controlado, "versão" 2021, não vai ter o funcionamento do comércio e de shoppings, e as praias vão estar fechadas para a população de todo o Estado. 

O novo decreto do Governo de Alagoas, com medidas mais rígidas, entrou em vigor na última sexta-feira, 19, para tentar conter o avanço da Covid-19 em Alagoas.

Além do impedimento de circulação de pessoas nestes locais, o Estado investiu no toque de recolher, que restringe a presença dos moradores nas ruas e nos logradouros públicos entre as 21h e as 5h.

Com isso, devem ser interrompidas também reuniões para prática de quaisquer atividades sociais, esportivas ou culturais, ressalvando o direito de ir e vir da população para o deslocamento para sua residência e/ou local de trabalho, bem como para os serviços essenciais. 

Relembre as determinações do decreto:

Comércio fechado 

O novo decreto reduziu drasticamente o funcionamento do comércio, com fechamento nos finais de semana, e horários reduzidos durante a semana. 

Lojas localizadas no bairro do Centro funcionarão das 9h às 17h, de terça à sexta-feira, vedado o funcionamento no sábado, domingo e segunda-feira. Lojas de rua e galerias funcionarão das 10h às 18h, de segunda a sexta-feira, vedado o funcionamento no sábado, domingo e segunda-feira. Shopping centers funcionarão das 11h às 20h, com funcionamento proibido aos sábados, domingos e terças-feira.

Veja abaixo outros setores, e AQUI você confere todas as medidas do drecreto.

► Feiras-livres -  serão incluídas na lista de serviços essenciais, funcionando sob protocolo sanitário, evitando aglomerações e com espaçamento de bancas.

► Praias e calçadões, lagoas e rios - Fecham nos finais de semana.  Durante a semana podem ser utilizados para atividade física individualmente ou pequenos grupos. 

► Academias - permitido funcionamento, com 30% de ocupação e sob agendamento. Mas ficam proibidas para pessoas com mais de 60 anos e com qualquer comorbidade que pode ser agravada pela Covid. Todo cidadão que vai praticar atividade física em academia, mesmo com os controles estabelecidos e horário agendado, vai ter que declarar ao proprietário do estabelecimento que não tem comorbidades. 

Igrejas e templos: seguem funcionando com 30% da capacidade máxima.

► Salões de beleza:  Seguem funcionando com capacidade  reduzida e sob agendamento, não haverá possibilidade de ir e aguardar em fila. Se houver fila e a fiscalização flagrar, o estabelecimento será fechado. Os donos destes estabelecimentos devem agendar os horários dos clientes. 

Autorizado a funcionar

O decreto também traz o que pode funcionar em Alagoas. Alguns estabelecimentos permanecem abertos, e outros com restrições, mas todos precisam seguir o protocolo sanitário. 

Por exemplo, as oficinas mecânicas, lojas de autopeças, e estabelecimentos de higienização veicular, por exemplo, podem abrir, mas com hora marcada e sem aglomeração de pessoas. Outro exemplo são padarias, lojas de conveniência, mercados, supermercados, minimercados, açougues e peixarias que abrem, mas sendo expressamente proibido o consumo local, tanto de bebidas quanto de comidas.

Veja AQUI a lista completa do que pode funcionar.