Alagoas

Governador Renan Filho prorroga decreto de distanciamento social por mais 15 dias

Redação TNH1 com Agência Alagoas | 05/08/21 - 18h52 - Atualizado em 05/08/21 - 19h42
Agência Alagoas

O governador Renan Filho anunciou, na noite desta quinta-feira, 5,  a renovação por mais 15 dias do decreto emergencial de enfrentamento à Covid-19. Desde o último dia 23 de julho, Alagoas está na fase amarela, quando foram ampliados horários de estabelecimentos em geral. 

"Pessoal, prorroguei o decreto por mais 15 dias. As atuais medidas para conter o coronavírus no nosso estado precisam ser mantidas para continuar reduzindo as mortes e ocupação de leitos de UTI. Vamos em frente, fazendo cada um a sua parte! Aos poucos, retornaremos ao normal", informou o governador por meio de sua conta no Twitter.

Apesar dos expressivos avanços obtidos com a Campanha de Vacinação, a pandemia ainda não acabou, reforçou o governador Renan Filho. “Estamos saindo da segunda onda, mas ainda com alguns cuidados necessários como, por exemplo, usar máscara, evitar aglomeração demasiada, lavar sempre as mãos e, sempre lembrar às pessoas: vacinação!”, justificou o chefe do Executivo estadual, durante coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (5), em evento ocorrido no município de Marechal Deodoro. 

“Você que ainda não tomou a primeira dose, vá tomar. Quem tem acima de 29 anos já pode tomar em Alagoas – algumas cidades já estão até mais avançadas que isso. E quem tomou a primeira dose, tome a segunda para ficar completamente imunizado”, convocou o governador. 

Confira as medidas prorrogadas pelo novo decreto:

- Lojas, galerias, centros comerciais, shopping centers, academias, clubes e centros de ginásticas permanecem com funcionamento em horário regular. 

- Bares, restaurantes e estabelecimentos congêneres seguem com horário entre 5h e 0h. Depois deste horário, será permitido apenas o atendimento por meio dos serviços de entrega, inclusive por aplicativo, e na modalidade “pegue e leve”, sendo expressamente proibido o consumo local, tanto de bebidas quanto de alimentos.

- Teatros, museus, parques temáticos, circos e cinemas podem funcionar com 50% de ocupação

- Templos, igrejas e demais instituições religiosas autorizados com 50% da capacidade

- Academias, clubes e centros de ginásticas seguem de portas abertas em horário regular, mas 50% de capacidade, sendo permitidas aulas coletivas com, no máximo, 25 pessoas por turma.

- Transporte intermunicipal de passageiros e turístico continua a operar com 75% de capacidade.