Futebol

Menino Rhaniel é homenageado no Rei Pelé: "Ele sonhava ser jogador do CSA", diz a mãe

Redação TNH1 | 15/05/21 - 17h12 - Atualizado em 15/05/21 - 17h23
Reprodução / FAF TV

Antes da bola rolar no primeiro jogo do Clássico das Multidões entre CSA e CRB, pela final do Campeonato Alagoano, na tarde deste sábado, 15, o menino Rhaniel Pedro Laurentino da Silva foi homenageado no gramado do Estádio Rei Pelé. Os jogadores do CSA entraram em campo com uma faixa e uma foto do garoto, que era torcedor declarado do Azulão. 

Os jogadores entregaram a faixa com a frase "Eternamente em nossos corações - Rhaniel Pedro" aos familiares da criança e deram um abraço simbólico em Ana Patrícia, mãe de Rhaniel. Ela contou que o sonho dele era ser jogador do clube marujo. 

Augusto Oliveira / CSA
Augusto Oliveira / CSA
Augusto Oliveira / CSA
Augusto Oliveira / CSA
Augusto Oliveira / CSA
Augusto Oliveira / CSA

"Estamos muito abalados, não tenho nem palavras. A emoção de estar aqui é muito grande, porque era um sonho dele estar aqui no estádio, ele sonhava em ser jogador. Eu quis colocar ele em uma escolinha de futebol, mas ele só queria se fosse no CSA. O sonho do Rhaniel era um dia ser jogador do CSA. Creio que, onde ele estiver, ele está muito feliz, porque estamos aqui. Vamos pedir justiça por esse crime cruel que fizeram com meu filho".


Foto: Reprodução / FAF TV

Rhaniel Pedro tinha 10 anos e foi encontrado morto na última quinta-feira, 13, com sinais de abusos e violência no bairro do Clima Bom, em um crime que tem chocado a sociedade alagoana. 

"Amanhã, lá no Clima Bom, a partir das 15h30, saindo da minha casa, vamos fazer o percurso da minha casa até onde ele foi encontrado. Vamos pedir justiça, pedir que todos nos ajudem, clamando por justiça, para quem fez essa maldade com o Rhaniel, que apareça e seja punido", disse Ana Patrícia.