Brasil

Moradores compram 3 mil picolés para ajudar sorveteiro que teve energia cortada, em SP

TNH1 com Razões Para Acreditar | 13/08/20 - 09h37 - Atualizado em 13/08/20 - 09h48

A pandemia trouxe diversos obstáculos para os pequenos empresários como Luís Augusto Demori, dono de uma sorveteria em Votuporanga (SP). Primeiro ele teve que interromper as vendas, quando começou a quarentena. Agora, com o comércio reabrindo, ele passa por problemas financeiros, já que não vende o suficiente para se manter, e teve a energia elétrica cortada por falta de pagamento.

Porém, apesar das dificuldades, Luís foi "premiado" com uma atitude para lá de comovente de moradores do município na última terça-feira, 11. Para ajudá-lo, as pessoas que moram próximas ao pequeno comércio se uniram e compraram os 3 mil picolés que estavam disponíveis para ajudar financeiramente o empreendedor. 

Em menos de três horas, Luís conseguiu vender todos os sorvetes e picolés e, além de não ter perdido nada, ainda recebeu diversas doações em dinheiro das pessoas que iam até o local.

Luís conta que tem três filhos pequenos e que toda a renda que consegue com a sorveteria é para manter a família. Ele ainda não pagou toda a conta, mas conseguiu parcelar o débito, que está em R$ 17 mil e quitou a primeira parcela.