Brasil

PE: mulher pode ficar cega após ser atacada com soda cáustica por ex-marido

Com agências | 05/07/19 - 10h32 - Atualizado em 05/07/19 - 10h32
Divulgação / SES-PE

Uma mulher de 19 anos foi internada em estado gravíssimo e pode ficar cega após ser atingida no rosto por soda cáustica jogada pelo ex-marido. O caso aconteceu nessa quinta-feira (04) no Recife e a vítima segue internada no Hospital da Restauração. 

Segundo o posto policial da unidade de saúde, Mayara Estefane França Araújo sofreu queimaduras com a substância corrosiva utilizada para desentupir esgotos e outros fins. Familiares informaram que o casal estava separado há cerca de três meses e que o suspeito não aceitava o fim do relacionamento. 

A jovem, que trabalha como atendente de uma rede de fast-food, foi surpreendida pelo ex-marido e um amigo quando chegava em casa do trabalho, no bairro de Nova Descoberta. 

Ela foi levada primeiramente para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do bairro antes de ser transferida para o Hospital da Restauração, onde chegou por volta das 23h da quinta. 

De acordo com o hospital, ela teve queimaduras no rosto, braços e tórax e respira com ajuda de aparelhos. Segundo a irmã da vítima, o hospital informou à família que Mayara tem 90% de chance de ficar cega nos dois olhos.

O casal viveu junto durante quatro anos e tinha uma criança, mas, segundo a família, ela sempre sofreu violência doméstica. Após a separação, o homem passou a persegui-la no trabalho e não aceitava que ela tivesse outros relacionamentos. A família também declarou que as agressões já teriam sido registradas na polícia. 

A Polícia Civil investiga o caso, mas ainda não há informações sobre o paradeiro dos suspeitos.