Alagoas

"Irresponsável e desonesto", diz trade turístico de Alagoas sobre comentário de Antônia Fontenelle

Eberth Lins | 14/01/21 - 12h46 - Atualizado em 14/01/21 - 13h06
Foto: Reprodução / Instagram

O trade turístico de Alagoas emitiu uma nota de repúdio após a youtuber Antônia Fontenelle usar uma rede social para dizer que turistas "podem apanhar covardemente'' em visita ao estado.

A fala da youtuber foi feita durante comentários acerca da agressão sofrida pelo ator global, Henri Castelli, que teve a mandíbula fraturada ao se envolver numa confusão na Barra de São Miguel, litoral Sul de Alagoas.

Para as entidades representativas do Turismo de Alagoas, usar o alcance das redes sociais para promover discursos preconceituosos e generalizações é irresponsável e desonesto. "A Abrasel Alagoas repudia toda e qualquer fala ou ação preconceituosa contra o povo alagoano. Nosso estado é terra de gente batalhadora, que tem no turismo uma de suas principais fontes de sustentação. Nosso povo é conhecido Brasil afora por sua hospitalidade e pelo carinho com cada visitante. Somos referência quando se fala em acolher visitantes e não vamos tolerar que casos isolados sejam preconceituosamente tratados como regra", trouxe a nota.



A nota ressaltou ainda que atos de violências são inaceitáveis e que agressores devem ser punidos. "Esperamos que a justiça seja feita e que tanto agressores quanto xenófobos sejam punidos em vias legais", diz um trecho da nota.

O secretário de Segurança Pública do estado, Alfredo Gaspar, também criticou a fala da youtuber.  "É lamentável que tenhamos que assistir determinadas subcelebridades se referindo com tamanho preconceito e falta de respeito aos alagoanos. Não somos um povo desordeiro, somos um povo de paz, a única coisa que pedimos é respeito", disse Alfredo Gaspar referindo-se à Fontenelle, na terça-feira (12).